Terceirização de Confecção de Moda: vale a pena?

25 janeiro, 2018

Terceirização de Confecção de Moda: Entenda as Vantagens e Desvantagens

Terceirização de Confecção - Marjorie Trofa

Imagem: (Jonas Kakaroto / Pexels)

Quem costuma passear pelos shoppings-center de sua região e observar vitrines de marcas de moda de prestígio muitas vezes nem imagina que há marcas que sequer confeccionaram uma só peça de sua coleção.

A opção das marcas pela terceirização de confecção de moda sem dúvida alguma se trata de uma decisão estratégica e que exige um alto nível de responsabilidade por parte da empresa. Quando falamos em Brasil, conhecido por seu sistema trabalhista engessado e de encargos onerosos, há uma grande tendência na terceirização de serviços relacionados à indústria da moda.

Quando implantada em uma organização de maneira adequada, ética e respeitando as leis do país, a terceirização pode gerar benefícios que impactam positivamente os resultados da empresa. A Lei Nº 13.429 regulamenta o processo de terceirização no Brasil.

Podemos citar inúmeras vantagens e vantagens do emprego de mão-de-obra terceirizada em sua marca. É importante conhecer e ponderar cada uma delas antes de optar ou não por repassar a terceiros a produção de seus produtos.

O Moda é Negócio fez uma lista com os principais pontos a serem analisados pelas marcas de moda que pensam em adotar o sistema de tercerização de confecção em marcas de moda.

Desvantagens de terceirizar sua confecção

Desvantagens da Terceirização de Confecção - Marjorie Trofa   Você realmente sabe quem está produzindo suas peças? Investique e questione seus      fornecedores regularmente. (Imagem: Fancycrave / Pexels ).

– É necessário um alto nível de responsabilidade e comprometimento por parte da empresa contratante para fazer checagens regulares em seus fornecedores. O custo de se envolver em um problema com fornecedores que trabalhem de maneira inadequada às leis trabalhistas pode superar (e muito) as economias em mão-de-obra. Trabalhar em parceiria com um fornecedor em situação irregular pode significar fomentar e ser cúmplice de crimes graves como o trabalho escravo, ainda que isso seja feito de maneira indireta.

– Repassar a produção a terceiros é mais barato. Você não terá de investir capital em maquinário, infraestrutura e contratação de funcionários para a produção. Além disso, eliminará as despesas de folha de pagamento do setor produtivo, como encargos trabalhistas e salários.

– Cuidado para não abrir mão da qualidade de suas peças. É preciso conhecer a fundo os processos do fornecedor a fim de garantir que a qualidade de seu produto será mantida. Para isso, você precisará de um rigoroso Controle de Qualidade. O tecido usado na fabricação será de mesma qualidade? As peças apresentarão alguma variação de tamanho ou na modelagem? O acabamento das peças é caprichoso? Cuidado para não reduzir seus padrões.

– Uma reclamação recorrente da terceirização de confecção de moda são os prazos de entrega. Muitas facções (como são popularmente chamadas as empresas de confecção) não cumprem com os prazos de entrega e passam à frente das marcas menores os serviços das empresas que encomendam maiores quantidades. É importante deixar claro.

– Produzir sua coleção na mesma fábrica que seu concorrente direto fabrica as dele pode ser um ponto negativo, porque existe o risco de seus produtos se nivelarem em termos de qualidade e outros aspectos. Certifique-se de que os diferenciais de seu produto serão mantidos e continuarão a ser obtidos no processo terceirizado de confecção.

– Pense que se atrelar toda a sua produção a um único fornecedor, você estará nas mãos dele. O que significa que uma simples falha desse fornecedor na fabricação das peças ou no cumprimento do prazo de entrega pode lhe acarretar em grandes prejuizos. O ideal é sempre contar com pelo menos dois parceiros. Especialmente se você decidir terceirizar toda a sua produção.

 

  • Vantagens de terceirizar a confecção de moda

  • Vantagens da Terceirização de Confecção - Marjorie Trofa

    Foque suas atividades produtivas no seu verdadeiro core business. (Imagem: Pexels

– Se implantado de maneira adequada e ética, o processo de terceirização pode diminuir significativamente os custos de produção da empresa, à medida que minimiza os investimentos em infraestrutura, maquinário e mão-de-obra.

– Permite que a empresa se volte exclusivamente para as áreas que lhe são mais essenciais. Em outras palavras, ao seu core business. Qual é o verdadeiro diferencial da sua marca? Design? Sustentabilidade? Marketing? Encontre o ponto forte da sua empresa e foque exclusivamente nele. Se a fabricação das roupas e acessórios em si é algo que pode ser feito melhor e mais barato por um fornecedor, repasse isso a ele.

– Com a redução de custos, é possível tornar os preços de sua marca mais competitivos no mercado sem sacrificar as margens de lucro.

– A globalização permite que você busque parceiros para sua cadeia de produção em qualquer lugar do mundo. Você pode, por exemplo, encomendar tecidos especiais da Europa, mandar fabricar suas peças na China e vendê-las no Brasil. É tudo uma questão de estruturar adequadamente sua logística para obter o melhor custo-benefício de produção e eficiência.

Lembre-se sempre: a terceirização de confecção de sua marca não se trata apenas de uma decisão financeira, mas principalmente estratégica!

Sua marca de moda terceiriza ou já terceirizou a produção de seus produtos? Conte a sua experiência aqui nos comentários!

 

Mais referências sobre o tema:

Comente esse assunto no Facebook

O que achou? Comente aqui no blog!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados